Loteamento aberto, fechado ou condomínio? Entenda as diferenças

5 minutos para ler

Quando se está em busca de um imóvel, é comum ficar em dúvida entre as várias opções: casa em loteamento aberto e em loteamento fechado, residência em condomínio etc.

É fundamental conhecer como funciona cada um e a diferença entre eles, afinal, haverá custos diferentes, mas eles oferecerão vantagens e desvantagens para a sua família.

Para facilitar um pouco, este contexto, mostramos de um modo mais didático o que é um loteamento aberto, um loteamento fechado e um condomínio, para que você consiga fazer a escolha certa para você a sua família. Não perca!

Loteamento aberto

O loteamento aberto é, talvez, o mais comum entre eles. Aqui, não há nenhuma restrição ao acesso aos lotes, de modo que as vias são públicas e os espaços de uso comum são responsabilidades da prefeitura.

A Loteadora tem a responsabilidade e o dever de entregar toda a área com uma estrutura de uso, como acesso ao saneamento básico, à energia elétrica e à tubulação de água.

Dessa forma, os terrenos são vendidos separadamente cada um com sua metragem, e cada morador tem direito somente ao seu lOTE comprado, não existe nenhum tipo de pagamento de taxas para o custeio das áreas comuns, tendo em vista que os espaços são públicos. Você terá apenas o custo do IPTU anualmente. 

Ao optar por essa alternativa, é fundamental conhecer o local que será implantado o loteamento, verificar junto a loteadora a estrutura que será oferecida para moradia e qual é a situação das vias públicas e dos arredores do empreendimento, para ter certeza de estar fazendo uma boa escolha.

Loteamento fechado

O loteamento fechado é uma forma de divisão dos lotes parecida com o aberto, porém tem uma autorização da Prefeitura Municipal para ter toda a sua estrutura fechada e separada da área externa.

Aqui, geralmente, são utilizados muros para delimitar a sua área construída, portanto, os loteamentos fechados são sempre planejados considerando um número total de residências e pessoas que poderão morar ali.

As ruas serão de domínio público, ou seja, de responsabilidade do município, então, não é possível proibir a circulação de pessoas que não são moradoras do Loteamento. Porém, é comum e totalmente legal que se faça um controle de acesso, pedindo documentos e identificação nos portões ou guaritas que são instalados nas extremidades justamente para esse trabalho, podendo gerar então um custo adicional mensal para se manter o controle de acesso e identificação nos portões ou guaritas. Você ainda terá mais o custo do IPTU anualmente. 

Condomínio

Já o condomínio é por si só fechado contendo várias diferenças em relação aos loteamentos. A primeira é que toda a área é particular, ou seja, há interferência do poder público no que tange a manutenção das ruas, da iluminação, água e esgoto, nos serviços básicos e em outras questões são realizadas efetivamente pelo Condomínio.

Por esse motivo, é constituído uma comissão de moradores que tem a responsabilidade de proceder com a votação e nomeação do Sindico que é através deste juntamente com a comissão de moradores a votação para votação do valor da cobrança da taxa condominial mensal. Esta taxa servira para que a administração do condomínio ocorra de uma forma mais fácil e correta, tendo em vista que é preciso contratar funcionários para fazer manutenções, jardinagem, limpeza e segurança.

Aqui, o morador adquire uma fração ideal do terreno, que será delimitado de acordo com o contrato, e as outras áreas de bens de uso comum que fazem parte do condomínio.

No condomínio, como no loteamento fechado, o perímetro total da área do imóvel é delimitado por meio de muros. 

O controle de acesso de pessoas e automóveis é realizado por meio de identificação especifica nas portarias ou guaritas que são devidamente instaladas trazendo mais segurança aos condôminos. Você condômino tem a possibilidade de impedir previamente o acesso de pessoas ou automóveis não autorizadas por exemplo para acessar sua casa ou seu apartamento.

Você condômino pagara o IPTU anual relativo ao seu imóvel, sendo ele casa ou apartamento.

A escolha entre essas opções varia de acordo com as necessidades e prioridades sua e de sua família, então, é preciso avaliar tudo com cuidado e carinho para saber qual será mais benéfica para você.

Conhecendo as diferenças entre o loteamento aberto, fechado e um condomínio, fica mais fácil escolher o imóvel ideal considerando esses detalhes — que são pontos importantes para o dia a dia da sua família.

Gostou deste conteúdo? Quer saber mais sobre loteamentos? Entre em contato com a Azul Empreendimentos!

Você também pode gostar

Deixe um comentário